Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Mais duas letras de músicas das Just Girls

por hitany-fx, em 08.12.07
A vida te espera

A vida te espera
Há tanto por descobrir
A vida que queres
Só tu podes construir

Eu sei, parece que já não dá
Passei por coisas assim também
Vais ver, há razões pra viver
Vais ver…

Não crês que ninguém te vai compreender
Não vês que agora não estás só
Já tens amigos que te querem bem
Vais ter, sempre alguém.

A vida te espera
Há tanto por descobrir
A vida que queres
Só tu podes construir

A vida te espera
Está mesmo à frente
E é pra ti!

Vejo a dor no teu olhar
Penso nos teus momentos a sós
Sentes que nada vai melhorar
Mas hás-de ver…

O tempo vai tudo curar
Tento fazer-te entender
Tenho problemas tal como tu
Mas eu, aprendiiiiii

A vida te espera
Há tanto por descobrir
A vida que queres
Só tu podes construir

A vida te espera
Está mesmo à frente
E é pra ti!

Temos todos algo a esconder
Temos todos algo a esquecer
Ou alguém pra temer
Ou talvez perdoar
Memórias e histórias pra nunca contar
Mas há mais pra viver, há muito mais para viver
E ser…
A vida te espera (Vais ver, tu não estás só)
Há tanto por descobrir (Não vês, mesmo à frente)
A vida que queres (Vais ver, tu não estás só)
Só tu podes construir (Não vês, mesmo à frente)

A vida te espera (Vais ver, tu não estás só)
Há tanto por descobrir (Não vês, mesmo à frente)
A vida que queres (Vais ver, tu não estás só)
Só tu podes construir (Não vês, mesmo à frente)

A vida te espera
Está mesmo à frente
E é pra ti!

A vida te espera, há tanto por descobrir…




O jogo já começou

Cheguei quando a noite nasceu
Estavas sentado ali
Quiseste dar-me o teu céu
Mas eu fingi que não vi

Fiquei presa por um fio, senti mais um arrepio
Aceitei o desafio, desse teu olhar
Tenho medo de querer, tudo pode acontecer
Será que me vais prender, ou libertar

Eu quero entrar no jogo mas não vou perder
Sinto o amor chegar
Só espero a minha vez para apostar e ver
Se a minha sorte vai mudar

O jogo já começou
O dado já rodou
E se hoje ninguém ganhar
Não me vais escapar

Esquecemos tempo e razão
Deste-me o teu calor
Entraste no meu coração
Dei-te o meu amor

Mas se o horizonte escurecer
E já não estiveres aqui
Fecho a minha mão
p'ra guardar tudo o que vivi

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:27


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2007

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D